• Ave Serra. Comer bem faz bem!
  • Temperados Ave Serra: mais tempo e sabor pra curtir com quem você ama!
  • Super Práticos Ave Serra - Mais sabor e praticidade pra você!

Dica da Nutri #006 – Por que consumir proteína no café da manhã?

Provavelmente vocês estão cansados de ouvir falar que o café da manhã é uma refeição imprescindível para a boa saúde, não é mesmo? Mas muitos ainda pulam essa refeição por gostarem de dormir um pouco mais.


Então, é importante lembrar: a primeira refeição do dia mantém o seu controle glicêmico pelo resto do dia, te impede de comer mais nas próximas refeições e à noite e ainda fornece saciedade, impedindo o aumento de peso. Assim, pesquisadores demonstraram que comer mais proteína no café da manhã reduziu os níveis de glicose pós-refeição dos indivíduos.


Então, comer um pão francês com manteiga e uma xícara de café preto repleto de açúcar e sem nutriente algum não é a melhor ideia.


Além de inserir muitas fibras no café da manhã como frutas, cereais integrais e sementes, invista nas fontes de proteína: peito de frango, queijo cottage, ovos, iogurte natural desnatado, grão-de-bico, castanhas, entre outras fontes proteicas.


Quando se consome proteínas pela manhã, elas sofrem modificações importantes que contribuem para o ganho de massa magra (músculos) e aumento da energia. Outra vantagem é que o ganho de massa muscular acelera o metabolismo, permitindo que você queime mais calorias durante o dia e mantenha (ou perca peso) com mais facilidade.


Esse consumo proteico também é muito vantajoso para os diabéticos do tipo 2. Pesquisadores da Universidade de Missouri descobriram que quando eles ingerem mais proteína no café da manhã, acontece uma redução dos picos de glicose no café da manhã e no almoço.


Convencido de que você precisa fazer o desjejum todos os dias? E que ele deve conter uma boa porção de proteínas de alta qualidade? Mas, então, como escolher?
Boas sugestões para iniciar o seu dia:


– crepioca com peito de frango desfiado;
– iogurte natural desnatado com psyllium e castanhas;
– sanduíche integral de peito de frango desfiado, alface e queijo cottage;
– mingau de farelo de aveia com leite desnatado ou leite vegetal, canela e castanhas;
– ovos mexidos com legumes;
– omelete com couve e legumes;
– panqueca de farinha de grão-de-bico recheada de tomate e peito de frango desfiado;
– vitamina de banana, psyllium e pasta de amendoim sem açúcar.
E então?! Gostou das sugestões? Além de saudáveis, elas também são deliciosas! Coloque-as em prática e observe o seu corpo trabalhar a favor de você!
Bom apetite!


Lisandra Eifler Firme
Especialista em Nutrição Clínica – CRN11166

Compartilhe agora!

Compartilhe agora!

Dicas e receitas recentes

Acontecimentos recentes

Queremos saber a sua opnião!

Feedbacks nos ajudam a melhorar nossos processos e produtos.

Gostaria de:
Anexar imagens:

Região

[regiao]

Linha

[linha]

Tecnologia

[tecnologia]

Família

[familia]